Skip to main content

"Amar o Ódio" em Beta-reading

Amar o Ódio
Capa provisória criada pela autora

Página do Goodreads e Sinopse aqui
Autor: Soraia Pereira
Capa provisória
Páginas: 388
Em processo beta-reading (ainda sem publicação)

Opinião

Da autora, li apenas um livro. É certo que o li mais de três vezes, mas não deixa de ser um. 

Melhorias? Sim, a todos os níveis. 
A nível de estilo, a marca da autora continua impressa e impecável, senão melhor. Em termos de expressões do calão, que abusou em “Ligação”, vemos um pólo totalmente oposto. Diálogos mais adultos, mas igualmente engraçados, que nos roubam o coração, uma lágrima, um sorriso matreiro ou uma gargalhada que nunca é solitária. 
Este livro foi intenso, uma autêntica montanha russa. Dirão as más-línguas que as estrelas que vou dar dever-se-ão à amizade (que penso) que criei com a autora. Sinceramente, I don’t give a shit, não me interessa o que dizem, porque já me abstive de dar mais no 1º quando, na minha opinião, merecia mais e só não teve porque o produto final ficou como ficou. Quando leio um livro, vejo o conteúdo e não o autor e, sim, por vezes, até me esqueço de quem o escreve porque a leitura faz-me mergulhar de cabeça. 
Em termos de estrutura, não consigo dizer muito. Nada de novo por aqui. Existem coisas que, simplesmente, não me entram. Sorry! Apesar de tudo, já não se viu tantos clichés como no primeiro. Quem me dera poder exemplificar a minha crítica, mas não quero spoilar. 
Relativamente às personagens, 1) continuo a gostar da personalidade torta e específica de cada uma e 2) vemos um maior desenvolvimento e background, por assim dizer, não só do casal-protagonista, como também das outras que os rodeiam. Satisfez-me porque não se focou tanto no romance que, desta vez, foi mais gradual do que em “Ligação.” Existem cenas eróticas – e, pelas influências que inspiram a autora, vejo que as descreve de uma forma… deliciosa. Não consigo arranjar termo melhor. Sei que caí agora em mais um cliché, mas o que posso dizer? Adorei. É intenso e não caiu no ridículo, como algumas cenas que leio por ai. Acima de erotismo, transmitem paixão, sentimento e, sim, até amor. Não sou entendida em erótica, mas, atenção, é paranormal com cenas picantes! Mesmo assim, não tiro da ideia que as cenas estão muito bem descritas. 
O que gosto mais num livro é ver e sentir as personagens a crescer e acompanhar o seu desenvolvimento. Neste, uma personagem que, desde o início não me disse nada, só me fez odiá-lo, representa um papel brilhante, foi um twist do qual não estava à espera. 
Em termos de processo-beta, o meu trabalho neste livro vai ser corrigir pequenas falhas (como verbos e cortar certas expressões, alterar outras… Não posso dizer, porque é spoiler.) E, sim, isto significa que vou fazer uma 2ª leitura para rever com olhos de revisora, com data ainda a definir. 
A autora precisa também de reduzir as descrições do vestuário. Depois de ler, estive à conversa com uma das outras betas e concordámos neste ponto. Too much, sweetie, mas nada de grave. 
Falta referir a parte do wordbuilding em que neste vemo-lo mais desenvolvido que no primeiro com a introdução de novas personagens no plano paralelo. Porém, gostaria – e já dei a ideia à autora – de ver uma espécie de glossário a resumir as espécies que existem para o caso do leitor se esquecer – não é incomum e com malícia quando ocorre, simplesmente acontece esquecermo-nos. Até da cara das personagens. Por isso, creio que beneficiaria com esta ideia. 
O fim ia arrancando o meu coração para fora do peito. Admito, chorei. Baba e ranho e etc. Com ênfase no etc. 
Para além das novas personagens introduzidas no plano paralelo, vemos mais uma (pelo menos, que me recorde agora) que vai ter um papel importante no volume seguinte e isso deixou-me com vontade de querer ler o terceiro, sem pestanejar, comer, dormir ou respirar. Brincadeirinha. Ou daí, talvez não. 
Por fim, resta-me dizer que continuo na minha e convicta de que esta autora vai dar – e dá – que falar. É um romance apaixonante, irresistível. Pelo menos, na minha opinião, que vale o que vale e que nem sequer é profissional ou muito completa. 


Comments

  1. Até fiquei com água na boca Ivone :-) Gosto de romances assim, intensos e apaixonantes que nos roubam o ar a cada página...

    ReplyDelete
    Replies
    1. E acredita que este da Soraia é assim :P adorei *.*
      O primeiro tem algumas (muitas) falhas, mas tudo o que a autora podia ter melhorado, melhorou. Aceitou as críticas de que foi alvo, tal e qual como devia ser, e meteu mãos à obra. Literalmente.

      Delete

Post a Comment

Deixa aqui as tuas epifanias ^^
A gerência agradece :)

Popular posts from this blog

Contos| 5 ideias para escrever

Depois de um mês que foi um D E S A S T R E, surge Março com a luz ao fundo do túnel. 
Ainda estou doente, mas se não me puser de pé o corpo e a mente habituam-se ao bem bom da caminha e não pode ser. Chega de mandriar. De pé, decidi escrever. Como se uma coisa tivesse a ver com a outra...
Eu repito: decidi escrever. Em 2013 terminei o meu primeiro draft e fiquei com menos um esqueleto na gaveta com a promessa de reduzir os restantes. Em 2014, peguei-lhe e dei-lhe uma volta de 180º, integrei muitas coisas, novas situações, personagens, twists, mas... achei que ME faltava algo enquanto escrevinhadora, talvez mais experiência como leitora. Vai daí, deixei as ideias em lume brando e dediquei-me à leitura; li de tudo, li muito, li livros pequenos e grandes, em português e inglês, físicos e e-books. 
Em 2015, propus-me a terminá-lo. E quem anda nas ruas do editanço e etc e tal, sabe como funciona. Aiiii, que isto está tão bom. Hãããn qu'é que andaste a beber?!?! Está horrível! Fui eu que e…

"A Grande Revelação", de Julia Quinn

Goodreads
Opinião
Quando se trata de Julia Quinn, não consigo ser imparcial. Não, correcção: não sei ser imparcial. Para falar a verdade, não que o seja nos outros livros que leio, mas com esta autora é diferente.
Este livro é especial, por muitos motivos. Um deles é ter revelado o GRANDE segredo que é absolutamente fenomenal. Ainda outro prende-se pelo dom que ambos os protagonistas têm em comum. Um gosto que também é o meu... e não, não vou dizer qual é porque seria um spoiler de todo o tamanho. Esperei muito tempo – talvez umas duas semanas para comprar o livro que eu pensava que sairia a dia 27 de janeiro, e mais duas semanas para comprá-lo efectivamente depois do lançamento - mas, puf, isto não é nada certo? Nada, comparado com os meses que ficarei à seca à espera do 5#, oh dear Lord…Focando a história, que isso é que importa, tinha muitas expectativas sobre ela. Quando lemos um ou dois livros de uma dada autora, ainda é como a outra. É novidade e, por gostarmos tanto, tanto, tanto,…

yWriter

Nota aos LeitoresDecidi partilhar algumas dicas, programas, sites, etc que me têm ajudado a desempenar na escrita. Incrível foi eu já ter este post escrito e agendado e alguém me dizer: tenta usar a escrita e o blogue como "testemunho" e não como "confidência". Por isso, eis-me aqui... com uma dica que me tem realmente ajudado! 
 *

Utilizo este programa há uns anos e só tenho coisas boas a dizer!

O que é yWriter?