Skip to main content

30 Day TV Show Challenge | Dia 2

Dia 2:
Uma série que gostaria que mais pessoas vissem


A CW na última década tem apostado forte nas séries de super-heróis e esta é uma das minhas preferidas. Eu, que nem gostava assim tanto do herói, Arqueiro Verde, fiquei a amar esta versão. Num tom mais adulto e dark, temos acesso à origem da identidade secreta de Oliver Queen, às suas aventuras durante os cinco anos em que esteve desaparecido, as suas lutas, interiores e exteriores, às suas perdas e conquistas, aos seus oponentes e ajudantes. Depois temos as personagens, incluídas nos quadradinhos, e outras especialmente criadas para a trama [como a Felicity Smoak, a loirinha ali entre o arqueiro vermelho e o arqueiro verde]. 




Comments

  1. Eu engoli Arrow (vi em 3 ou 4 dias tudo como seria de esperar de mim) mas depois começei a ver Flash e quando voltei a Arrow DESESPEREI com a quantidade absurda de flashbacks que aquilo - afinal - até tem ahaha
    fazendo um apanhado do teu ultimo post do dia 1 do desafio: vai dizer mal de The 100 para longe sfv :P eu comecei Tomorrow People mas acabei por deixar de parte e entre um e outro fico feliz que tenha sido TP a ser cortado (porque 1º era da Julie Plec e ela só faz porcaria com as série e 2º the 100 tem tudo para ser perfeita).

    ReplyDelete
  2. Esta não foi a minha primeira opção para este dia e talvez até nem tenha pensado muito :( mas não posso repetir as duas ou três que me ficaram para a vida nos dias todos (infelizmente).

    Quanto a Arrow, concordo que tenha flashbacks, mas até gosto de os ver - porque é o que a série traz de diferente (uma das).

    Quanto a The 100, eu referi o meu desgosto na altura e discordo contigo em relação à primeira temporada - muito romance adolescente, muita coisa mal explicada - mas agora a 2ª está bem melhor, mais contida e equilibrada, talvez devido à extensão dos episódios (por vezes ter 22 é melhor que 12 ou 13), não sei :P ainda não me aventurei a decorar tudo sobre elas ou a sair da zona de conforto da visualização para o conhecimento profundo sobre.

    ReplyDelete
  3. flashbacks são giros sim, flashbacks em demasia sobre a estupidez do Oliver...são só tristes lol
    Não concordo, acho que a primeira temporada estava tão boa como a segunda, é normal ter romance adolescente qb pq são, bem, adolescentes, inda pra mais a lidar com o que estão a lidar ne :P

    ReplyDelete
    Replies
    1. Lol é uma série distópica (pelo menos é o que afirmam) e distopias não têm muito romance. Acho que exploraram mal, meteram tantos grupos e em 12 ou 13 episódios não me conseguiram aliciar (mas ressalvo que estou a gostar mais da 2ª).

      Sobre os flashbacks da "estupidez do Oliver", bom isto aqui tenho noção de que é o meu fanatismo por super-heróis a falar: ele era um miúdo irresponsável quando ficou "perdido na ilha" e foram esses cinco anos que o mudaram. Em demasia ou não, continuo a suportá-los bem :P

      btw, uma das séries que vou meter aqui num dia destes é uma das tuas preferidas (acho!)...

      Delete

Post a Comment

Deixa aqui as tuas epifanias ^^
A gerência agradece :)

Popular posts from this blog

Contos| 5 ideias para escrever

Depois de um mês que foi um D E S A S T R E, surge Março com a luz ao fundo do túnel. 
Ainda estou doente, mas se não me puser de pé o corpo e a mente habituam-se ao bem bom da caminha e não pode ser. Chega de mandriar. De pé, decidi escrever. Como se uma coisa tivesse a ver com a outra...
Eu repito: decidi escrever. Em 2013 terminei o meu primeiro draft e fiquei com menos um esqueleto na gaveta com a promessa de reduzir os restantes. Em 2014, peguei-lhe e dei-lhe uma volta de 180º, integrei muitas coisas, novas situações, personagens, twists, mas... achei que ME faltava algo enquanto escrevinhadora, talvez mais experiência como leitora. Vai daí, deixei as ideias em lume brando e dediquei-me à leitura; li de tudo, li muito, li livros pequenos e grandes, em português e inglês, físicos e e-books. 
Em 2015, propus-me a terminá-lo. E quem anda nas ruas do editanço e etc e tal, sabe como funciona. Aiiii, que isto está tão bom. Hãããn qu'é que andaste a beber?!?! Está horrível! Fui eu que e…

"A Grande Revelação", de Julia Quinn

Goodreads
Opinião
Quando se trata de Julia Quinn, não consigo ser imparcial. Não, correcção: não sei ser imparcial. Para falar a verdade, não que o seja nos outros livros que leio, mas com esta autora é diferente.
Este livro é especial, por muitos motivos. Um deles é ter revelado o GRANDE segredo que é absolutamente fenomenal. Ainda outro prende-se pelo dom que ambos os protagonistas têm em comum. Um gosto que também é o meu... e não, não vou dizer qual é porque seria um spoiler de todo o tamanho. Esperei muito tempo – talvez umas duas semanas para comprar o livro que eu pensava que sairia a dia 27 de janeiro, e mais duas semanas para comprá-lo efectivamente depois do lançamento - mas, puf, isto não é nada certo? Nada, comparado com os meses que ficarei à seca à espera do 5#, oh dear Lord…Focando a história, que isso é que importa, tinha muitas expectativas sobre ela. Quando lemos um ou dois livros de uma dada autora, ainda é como a outra. É novidade e, por gostarmos tanto, tanto, tanto,…

yWriter

Nota aos LeitoresDecidi partilhar algumas dicas, programas, sites, etc que me têm ajudado a desempenar na escrita. Incrível foi eu já ter este post escrito e agendado e alguém me dizer: tenta usar a escrita e o blogue como "testemunho" e não como "confidência". Por isso, eis-me aqui... com uma dica que me tem realmente ajudado! 
 *

Utilizo este programa há uns anos e só tenho coisas boas a dizer!

O que é yWriter?