Skip to main content

E eis novo balanço...

... como manda a tradição aqui no blog. 

Em véspera, muito véspera, do último dia do ano - isto porque passa pouco da 1h da manhã do dia 30 - tenho sempre aqueles ataques que me deixam acordada a reflectir e a reflectir e a desesperar que o sono venha. 

Resumidamente:

Literários:
- Desafio Goodreads: alcançado e ultrapassado. Não foi mau de todo para quem deixou de ler de forma ávida em Setembro. Se li cinco livros depois dessa data já foi uma grande conquista. 82 em 80 não foi mau. Uma vitória!

- Fui à Feira do Livro, yeah, pude ainda visitar algumas autoras que gosto muito e ver/conhecer pessoas deste meio. Mais uma vitória!

- O blog andou parado desde que o estágio começou a 14 de Setembro, ainda fui fazendo TTT's com a Cata, a Sandra e a Vera, mas depois não consegui acompanhar devido às minhas outras obrigações. Portanto, vamos considerar este um falhanço.  

Profissionais:

- Arranjei um trabalho, ainda que não seja o meu dream job e que seja em formato "trabalho temporário" com uma agência temporária a fazer trabalhos... bem, temporários. Sempre deu para desenrascar. Tempo não abundava para ir a entrevistas, porque estagiava durante a semana e trabalhava ao fim-de-semana, portanto, vou considerar uma vitória, porque foi o que muitas vezes me ajudou a pagar as contas. 

- Iniciei o meu estágio curricular, numa área pela qual me voltei a apaixonar. Adorei as tarefas que desempenhei, o que conheci, o que retirei e tenho retirado da experiências, as pessoas que conheci e que, noto, se preocupam genuinamente comigo e às quais nunca conseguirei agradecer. Vou considerar este uma grande vitória - independentemente da nota do estágio. 

- Iniciei o meu projecto de investigação - e quando digo iniciei, comecei a revisão de literatura que está muito no início e ainda não submeti o requerimento ao Conselho Científico, mas... devagar se vai ao longe e o meu ritmo de vida não permitiu ser uma super-mulher como algumas pessoas conseguem ser. 


- Iniciei o meu relatório de estágio. E... em Dezembro perdi tudo porque sem querer apaguei tudo da pen. E. eu. não. tinha. cópias. guardadas. 
ERRO de principiante, eu sei. Desde os tempos em que o meu computador tinha aqueles fanicos que o levavam à reparação que eu criei o hábito de fazer back-ups em tudo quanto era sítio: dropbox, meocloud, pc, pen, email. Excepto, claro, desta vez. Depois da baba e do ranho, a minha orientadora no estágio encontrou um programa que me salvou a vida... Conclusão: desde aí que não lhe toquei, porque... sei lá eu porquê. 


Relacionais: 

- O meu estatuto como trabalhadora temporária não permitiu que desenvolvesse relações com as minhas colegas de trabalho - ser promotora é assim, pois uma vai para uma loja, a outra vai para outra - mas consegui fortalecer relações com os funcionários internos das lojas, o que é sempre positivo, porque adoro esbanjar alegria no local de trabalho. Considero uma vitória. 

- Em termos de amizades, foi um ano que cortei o contacto com muita gente. Fazer acontecer tornou-se o meu lema, mas para isso às vezes é preciso distanciarmo-nos do passado e das pessoas que fizeram parte dele. Não foi propositado, mas algo necessário. 

- Fortaleci algumas relações ainda no âmbito literário, com alguns colegas de trabalho e de faculdade. Ainda que de forma algo superficial, já foi mais do que nos anos anteriores. 

- Em termos amorosos,...

Este resumo já vai longo, fico-me por aqui :D 

No geral, houve muitos pontos positivos e pelos quais tenho de agradecer. Não obstante a sensação de vazio com que estou... deve ser do ano estar a terminar.

Desejo a todos um FELIZ 2016 :D aproveitem. 


Este post não está revisto e foi escrito com uma pedrada de sono em cima. Perdoem-me. 

Comments

  1. Desejo-te um óptimo ano minha querida e que em 2016 possamos combinar aquele café que estamos a marcar há meses! um grande beijo :)

    ReplyDelete
  2. Bom Ano Novo, com tudo de bom e na companhia de muitas boas leituras :)

    ReplyDelete

Post a Comment

Deixa aqui as tuas epifanias ^^
A gerência agradece :)

Popular posts from this blog

Contos| 5 ideias para escrever

Depois de um mês que foi um D E S A S T R E, surge Março com a luz ao fundo do túnel. 
Ainda estou doente, mas se não me puser de pé o corpo e a mente habituam-se ao bem bom da caminha e não pode ser. Chega de mandriar. De pé, decidi escrever. Como se uma coisa tivesse a ver com a outra...
Eu repito: decidi escrever. Em 2013 terminei o meu primeiro draft e fiquei com menos um esqueleto na gaveta com a promessa de reduzir os restantes. Em 2014, peguei-lhe e dei-lhe uma volta de 180º, integrei muitas coisas, novas situações, personagens, twists, mas... achei que ME faltava algo enquanto escrevinhadora, talvez mais experiência como leitora. Vai daí, deixei as ideias em lume brando e dediquei-me à leitura; li de tudo, li muito, li livros pequenos e grandes, em português e inglês, físicos e e-books. 
Em 2015, propus-me a terminá-lo. E quem anda nas ruas do editanço e etc e tal, sabe como funciona. Aiiii, que isto está tão bom. Hãããn qu'é que andaste a beber?!?! Está horrível! Fui eu que e…

"A Grande Revelação", de Julia Quinn

Goodreads
Opinião
Quando se trata de Julia Quinn, não consigo ser imparcial. Não, correcção: não sei ser imparcial. Para falar a verdade, não que o seja nos outros livros que leio, mas com esta autora é diferente.
Este livro é especial, por muitos motivos. Um deles é ter revelado o GRANDE segredo que é absolutamente fenomenal. Ainda outro prende-se pelo dom que ambos os protagonistas têm em comum. Um gosto que também é o meu... e não, não vou dizer qual é porque seria um spoiler de todo o tamanho. Esperei muito tempo – talvez umas duas semanas para comprar o livro que eu pensava que sairia a dia 27 de janeiro, e mais duas semanas para comprá-lo efectivamente depois do lançamento - mas, puf, isto não é nada certo? Nada, comparado com os meses que ficarei à seca à espera do 5#, oh dear Lord…Focando a história, que isso é que importa, tinha muitas expectativas sobre ela. Quando lemos um ou dois livros de uma dada autora, ainda é como a outra. É novidade e, por gostarmos tanto, tanto, tanto,…

yWriter

Nota aos LeitoresDecidi partilhar algumas dicas, programas, sites, etc que me têm ajudado a desempenar na escrita. Incrível foi eu já ter este post escrito e agendado e alguém me dizer: tenta usar a escrita e o blogue como "testemunho" e não como "confidência". Por isso, eis-me aqui... com uma dica que me tem realmente ajudado! 
 *

Utilizo este programa há uns anos e só tenho coisas boas a dizer!

O que é yWriter?